Usiminas

A Mineração Usiminas investe na qualidade dos seus produtos e no respeito ao meio ambiente. Esse direcionamento é um fator importante para que a empresa siga capacitada a atender com excelência as mais rigorosas exigências do mercado do minério.

Os produtos da mineração de ferro são conhecidos e comercializados pela sua especificação granulométrica (tamanho das partículas). Basicamente são oferecidos três tipos de produtos:

Granulado ou Lump Ore

Minério de maior tamanho (entre 32 mm e 6,3 mm), usado diretamente nos altos-fornos de usinas siderúrgicas para a produção de ferro gusa.

Sinter feed

Minério mais fino (entre 6,3 mm e 0,15 mm), que é aglomerado via processo de sinterização para permitir a sua utilização pelos altos-fornos siderúrgicos na forma de sínter.

Pellet feed

O mais fino dos três tipos de minério (menos de 0,15 mm). É usado misturado ao sinter feed ou para alimentar o processo de pelotização, que transforma o fino de minério em pelotas que serão carga nos altos-fornos siderúrgicos.

Logística

O escoamento da produção da Mineração Usiminas ocorre em duas etapas. Na primeira delas, os produtos são transportados por caminhões das minas para os terminais de carga localizados na região de Sarzedo e Azurita, no estado de Minas Gerais. De lá, eles são enviados para os clientes ou aos portos através de uma malha logística formada por duas ferrovias (MRS e VLI).

Dois terminais privativos de uso misto complementam a estrutura e viabilizam a entrega dos produtos Usiminas no Brasil e no mundo: o Terminal Privativo de Praia Mole (TPPM), no Espírito Santo, no qual a Usiminas possui participação, e o Terminal Marítimo Privativo de Cubatão (TMPC), em São Paulo.

Beneficiamento

É na Instalação de Tratamento de Minério (ITM) que a matéria prima extraída do solo é tratada para a obtenção dos produtos finais da Mineração Usiminas. Nessa fase, o minério passa por processos de fragmentação, separação, classificação e concentração; sempre visando o enriquecimento e valorização do mesmo.

Esse processo é dividido em dois estágios:

No primeiro, ocorrem as britagens primária, secundária e terciária para reduzir gradativamente o tamanho do minério; o peneiramento, onde se faz a separação por tamanhos e a limpeza com água pressurizada para gerar o granulado (Lump Ore).

O segundo estágio do processo de beneficiamento é a concentração. Por meio da utilização de equipamentos específicos como jigues, espirais, separadores magnéticos e peneiras desaguadoras se originam o sinter feed e o pellet feed.

Diferencial tecnológico

A Mineração Usiminas está entre as primeiras empresas do mundo a utilizar um concentrador de 3 rotores. O equipamento magnético de alta intensidade tem a função de atrair o minério como um imã. As partículas magnéticas são atraídas e ficam aderidas às placas de imantação (concentrado, produto que será aproveitado), as não magnéticas são descartadas por arraste hidráulico e pela gravidade (rejeito).